Receitas de comida

Coelho com cidra e cogumelos


Fácil de fazer e deliciosamente saboroso, este coelho de cidra e cogumelo deve ser unânime.

Ingredientes para 4 pessoas:

  • 1 coelho (1,2 kg)
  • 300 g de cogumelos botão
  • 75 cl de cidra crua
  • 2 chalotas
  • 100 g de bacon defumado
  • 40 g de manteiga 1/2 sal
  • 1 filial de Tomilho
  • 2 folhas de louro
  • 1 filial de alecrim
  • 2 colheres de sopa. colher de sopa de óleo de semente uva
  • Flor de sal
  • Pimenta salgada

Coelho com cidra e cogumelos

- Corte o coelho em pedaços.

- Escalde o bacon.

- Limpe e corte os cogumelos em quartos.

- Descasque, lave e pique bem as cebolas.

- Numa caçarola aqueça o óleo e doure os pedaços de coelho até dourarem. Reserva.

- Na mesma caçarola, derreta a manteiga, acrescente os cogumelos, depois a chalota. Junte o bacon, os pedaços de coelho e depois as ervas aromáticas (tomilho, louro e alecrim). Misture e tempere.

Despeje a cidra, tampe e cozinhe por 45 minutos a 1 hora em fogo baixo (ou no forno a 180 ° C (th.6).

Servir !

B.A.ba do Chef:

Também podem acompanhar este prato maçãs (reinetas), assadas ou fritas na frigideira, ou batatas descascadas que serão adicionadas após 30 minutos de cozedura.

Vinho para acompanhar coelho com cidra

A cozedura em ambiente húmido é particularmente adequada para coelhos, cuja carne tenra, macia e delicada pode, se não for cuidada, tornar-se seca e pegajosa. É por isso que este tipo de cozedura deu origem a múltiplas preparações, das quais a mais famosa é a civeta.

Na receita aqui proposta, o elemento líquido é a cidra, que trará seus aromas característicos, mas também dará ao prato uma dimensão picante, cuja doçura dependerá da cidra escolhida. O primeiro par que pensamos é, claro, a própria cidra, que escolheremos o mais crua possível para evitar o reforço excessivo da doçura, a menos que sejamos fãs de cozinha doce.

Para além deste casamento óbvio, os amantes da doçura irão apreciar um Anjou Rosé, muitas vezes meio seco, cujos aromas realçam o aspecto silvestre da preparação. Quem quiser mais vivacidade adota um Blanc de l'Etoile, com acidez sustentada e cujos aromas respeitarão todos aqueles desenvolvidos no prato.

Sr. Chassin

Bem-estar e coelho

Como outras carnes brancas (frango, peru, vitela, etc.), os coelhos são considerados carne magra (entre 5 a 10% de lipídios).

Os coelhos também são uma fonte significativa de ômega 3, que acaba sendo um aliado ideal na luta contra o colesterol e na renovação celular. É uma carne saudável e ideal para toda a família.


Receita : A. Beauvais -foto : S. Thommeret


Vídeo: Lebre coelho estufada muito fácil (Setembro 2021).